domingo, 14 de outubro de 2007

Inferno astral

Posso até ser meio relapsa, mas tive boas razões para sumir nas últimas semanas. Há muito tempo, sei que tenho certa inclinação para o azar, mas nunca havia passado por uma conjunção de fenômenos estranhos como esta.
Dependendo do meu humor no dia, me imaginei como Jack Bauer, alguma santa com a vida bem atribulada ou personagem de uma sitcom em que acontecem coisas demais e bizarras demais em muito pouco tempo. Esse período esquisito envolveu dois suicídios, três colapsos nervosos, um terreiro de macumba, um incêncio, a descoberta do alcoolismo de alguém próximo, uma reconversão ao catolicismo e um pedido de noivado (não necessariamente nessa mesma ordem).
Alguns eventos não aconteceram diretamente comigo, mas todos me afetaram de maneira mais ou menos profunda. Minha criatividade foi para o limbo e não tem mais corretivo que esconda as minhas habituais olheiras. Assim que estiver mais segura de que essa maluquice toda acabou, eu volto.

2 comentários:

Carol Sousa.. disse...

nossa, luanda!!!!
o.O'

Espero que tudo fique bem logo!!!!


=*****

Lua num instante comum disse...

Valeu, Carol
Agora está tudo mais tranqüilo, só as provas da UERJ que estão me enlouquecendo mesmo...
Beijoquinhas